Buscar
  • HelpMe

Perigos do cloro para a saúde

Atualizado: 9 de Ago de 2019

Cloro e água quente: uma mistura perigosa


O cloro sempre foi utilizado para desinfetar e deixar qualquer tipo de água mais potável e, portanto, utilizável para consumo humano. Assim como outros compostos químicos, o cloro é tóxico para o organismo humano, especialmente se ingerido em volumes elevados.


A adição de cloro na água que consumimos é normatizada pelo governo federal e realizada pelos centros de controle e distribuição de água de cada cidade e estado do país. O grande problema, entretanto, é que muitos municípios não são capazes de manter os níveis de cloro nas quantidades desejadas em suas águas, podendo oferecer maior risco para a população local.


O consumo de cloro, entretanto, é visto pela Organização Mundial de Saúde como importante no tratamento de água, desde que em volumes seguros. Quando esses volumes são ultrapassados, o risco de intoxicação com o produto é relativamente alto.


Cloro e água quente: uma mistura perigosa


Beber água clorada da torneira é apenas parte do problema. Maior parte de cloro é absorvido através da pele, e inalado no vapor de um banho que é pior que você beber cinco copos de água da torneira.


O calor e o vapor do chuveiro abre os poros permitindo uma alta taxa de absorção de cloro.


O cloro tira os óleos naturais de proteção dos cabelos e da pele, e cria revestimento de secagem e envelhecimento. Além de coceiras e irritação na região.


O mesmo ocorre com os cabelos, que sofrem consequências similares. É exatamente para evitar esses problemas que o uso de filtros específicos para chuveiros pode ser uma maneira inteligente de reduzir o volume de cloro na água que entra em contato com a sua pele.


Riscos relacionados ao excesso de ingestão de cloro:


A ingestão de cloro, seja em águas natural ou quente, pode aumentar vários riscos relacionados a esses excessos de consumo à longo prazo.Risco de bloquear os receptores de iodo que residem na glândula tireoide e reduzir os níveis de produção de hormônios que contêm iodo no organismo.Risco elevado de desenvolvimento de cânceres na região dos rins, bexiga e outras vias urinárias;Maior risco de desenvolvimento de bronquite e asma – causados pela inalação excessiva de vapor de cloro em banhos e águas quentes;Irritações de pele e queda na qualidade dos fios de cabelos e unhas;Irritação respiratória grave;Desenvolvimento de eczema, uma doença de pele caracterizada por coceiras, ressecamento e elevação de temperatura da pele;Queimaduras na boca, garganta, esôfago e estômago, caso volume ingerido de água quente com cloro seja alta;Maior sensação de náuseas e indigestão.


Como os filtros podem ajudar:


É ai que entra o papel dos filtros de água. Os filtros de água são utilizados para tornar mais saudável o líquido que chega na sua casa e que será usado nas diversas atividades domésticas em sua rotina. Não somente responsável por remover resíduos que possam permanecer na água que chega pela torneira, os filtros também reduzem consideravelmente o volume de cloro que seria ingerido.


Não basta escolher qualquer filtro para ficar livre do cloro! Modelos instalados na entrada de água da casa, conhecidos como POE ou filtro de ponto de entrada, não possuem capacidade para remover o cloro da sua água e, por isto, é preciso comprar purificadores do tipo POU (ponto de uso).


#filtrodeagua #casamento #cloro #salvador #saude

397 visualizações